Kook Chiado - pratos pequenos, preços elevados

 Como gostamos muito de experimentar novos restaurantes, aproveitamos sempre os vales da revista Time Out e o desta semana era para o Kook Chiado. Nunca tínhamos ouvido falar, mas fiquei entusiasmada com a avaliação que estava na Zomato. Marcámos mesa logo para quarta-feira e lá fomos conhecer um novo lugar.
 O espaço é minimalista e moderno, mas tem um senão: em vez de cadeiras, são bancos (decorados com cortiça, um pormenor original), o que acho desconfortável e que me deu algumas dores de costas. Tirando isso, gostei da decoração.



 Como o conceito é cozinha de fusão, combinando sabores portugueses, angolanos e sushi, ficámos na dúvida sobre o que haveríamos de pedir. Visto que nesse dia não nos estava a apetecer sushi, mas sim um prato bem servido, decidimos arriscar e experimentar novos sabores. 
 Para começar pedimos couvert, que trazia duas bolinhas de pão (aquecidas!) para cada um, manteiga temperada com especiarias e paté de fígado. Ora, o pão e a manteiga eram fantásticos, mas infelizmente não gosto de paté. Acho que 3€ por pessoa é um exagero para um simples couvert.
 Passado algum tempo (o serviço estava um bocado demorado) vieram os pratos, que nos deixaram boquiabertos. Eu escolhi polvo com batata doce e ele frango com arroz de cabidela, mas quando nos serviram parecia que nos estavam apenas a dar a provar, antes de trazerem mais. Uma vez que o meu prato custa 17€ acho que deveriam servir mais do que três tentáculos e três fatias de batata... O dele também vinha muito mal servido e era igualmente caro (15€).


 Para sobremesa pedimos chocolate (feito sem farinha, apenas com natas), com amendoins, farinha de mandioca e gelado de manteiga de amendoim. Gostámos muito, mas para mim seria impossível comê-la sozinha porque acho que iria enjoar.
 Resumindo a nossa experiência, ficámos felizes por pagarmos apenas 50% do valor total, uma vez que sentimos que comemos o equivalente a metade dos valores que eles pedem. Quanto ao serviço, a rapariga era muito simpática, mas falhou várias vezes. Primeiro trouxe-nos ementas em inglês, depois não nos sabia explicar prato nenhuma porque dizia que a carta era nova, e esqueceu-se de nos perguntar o que queríamos beber, tivemos de ser nós a chamá-la e a pedir.

Rua Vítor Cordon, 26 (Chiado)
Aberto de 3f a sáb, 12:30-15:00 e 19:30-23:00
21 346 04 51

Comentários

Raquel disse…
Fiquei mesmo descontente com o serviço deles. Esperei uma hora para que a comida me chegasse à mesa. Enfim.

http://noz-moscada.blogs.sapo.pt
Ana Couceiro disse…
Ainda não marquei mesa e sinceramente com o que tenho lido... Não sei se vá marcar :\ Mesmo tendo o vale! :S

Mensagens populares